Caprioli e a natureza – 1

Além de extraordinário ilustrador, Caprioli foi também um profundo adepto das crenças mais humanistas, que não escondia o seu amor pela natureza, pelos animais e por todos os seres, sem excepção, que povoam este planeta, incluindo a espécie que mais o tem arruinado. Poucos são as personagens das suas histórias que não revelam também esses sentimentos, sobretudo as que desempenham papéis de maior relevo, mesmo quando conturbadas por conflitos individuais em que se debatem questões como a virtude e a fé.

O exemplo mais paradigmático é Fulvio Lucerii, protagonista da heróica epopeia Aquila Maris (A Águia dos Mares) — que fascinou os leitores do Cavaleiro Andante —, mas lembramo-nos também de outras histórias cujo fundo humanista torna as relações das suas personagens com a época e o meio em que vivem ainda mais credíveis. O meio, o ambiente, os sentimentos (e o in illo tempore) são ingredientes fundamentais da veia criativa que inspirava o mestre italiano, distinguindo-o dos outros desenhadores do seu tempo.

Em páginas admiráveis, que deixavam todos os juvenis leitores extasiados, Caprioli retratou a natureza nos mais diversos habitats, tanto as selvas luxuriantes da Índia e do Ceilão, e de outros países orientais, como as paradisíacas, mas selvagens e perigosas ilhas dos mares do sul, ou os desertos africanos e as pradarias do Oeste americano. A estes cenários icónicos, cuja beleza excitava a imaginação, juntou também as planícies magiares, as estepes russas, as pampas sul-americanas e até as estranhas paisagens pré-históricas onde começava a despontar a aurora da civilização.

A imagem que hoje apresentamos dispensa mais palavras, ilustrando de forma magnífica alguns dos instantâneos da natureza e dos seus mais exóticos habitantes que Caprioli, como um repórter fotográfico cuja lente era a sua arte e a sua sensibilidade, tão bem sabia captar. 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Le chat dans tous ses états - Gatos... gatinhos e gatarrões! de Catherine Labey

Pour les fans de chats e de tous les animaux en général - Para os amantes de gatos e de todos os animais em geral

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

Interesting Literature

A Library of Literary Interestingness

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa

%d bloggers like this: